<body><script type="text/javascript"> function setAttributeOnload(object, attribute, val) { if(window.addEventListener) { window.addEventListener('load', function(){ object[attribute] = val; }, false); } else { window.attachEvent('onload', function(){ object[attribute] = val; }); } } </script> <div id="navbar-iframe-container"></div> <script type="text/javascript" src="https://apis.google.com/js/plusone.js"></script> <script type="text/javascript"> gapi.load("gapi.iframes:gapi.iframes.style.bubble", function() { if (gapi.iframes && gapi.iframes.getContext) { gapi.iframes.getContext().openChild({ url: 'https://www.blogger.com/navbar.g?targetBlogID\x3d1364390527892161647\x26blogName\x3d%C2%A0\x26publishMode\x3dPUBLISH_MODE_BLOGSPOT\x26navbarType\x3dBLUE\x26layoutType\x3dCLASSIC\x26searchRoot\x3dhttp://bprmadeira4.blogspot.com/search\x26blogLocale\x3dpt_PT\x26v\x3d2\x26homepageUrl\x3dhttp://bprmadeira4.blogspot.com/\x26vt\x3d-1887090439389926148', where: document.getElementById("navbar-iframe-container"), id: "navbar-iframe" }); } }); </script>

  

 

 
 

ë Doação do espólio de Sophia de Mello Breyner Andresen à Biblioteca Nacional

quinta-feira, 27 de janeiro de 2011
Decorreu ontem a cerimónia de entrega do espólio de Sophia de Mello Breyner Andresen à Biblioteca Nacional.

[...] O espólio de Sophia traz, naturalmente, as marcas da vida, com todos os seus acidentes biográficos. São cadernos e folhas soltas com rascunhos e diferentes versões de vários tipos de textos, esboços de projectos, traduções; são cartas, agendas cheias de notas sobre afazeres do dia-a-dia (números de telefone, receitas de cozinha, contas domésticas), diários de viagem, desenhos, recortes de jornais com depoimentos e entrevistas, fotografias; são impressos que documentam gestos de solidariedade e envolvimento cívico e político. Mas, para além de tudo isto, o espólio traz a marca vincada daquela procura obstinada da palavra “exacta”, como ela própria dizia, que no poema encontrou a sua forma mais resistente e secreta, mais clara e eficaz [...].

Para os filhos de Sophia (1919-2004), o verdadeiro espólio da mãe são os livros que escreveu. “Num país onde todos reclamam tudo do Estado e ninguém se sente obrigado a dar alguma coisa em troca sabe bem dar alguma coisa ao Estado”, acrescentou Miguel Sousa Tavares. “O nosso privilégio foi termos recebido tudo o que recebemos da nossa mãe, o mínimo que nos competia é devolver tudo o que dela só foi nosso, por acaso ou sorte. [...]"

Para assinalar a ocasião foi inaugurada a exposição “Sophia de Mello Breyner Andresen - Uma Vida de Poeta”, patente de 26 à 30 de Abril, na Biblioteca Nacional.
Fonte: Público/BN - 27/01/2011

 
 

ë Acervo de D. Pedro II concorre à UNESCO

segunda-feira, 10 de janeiro de 2011
Um acervo de 50 mil documentos deixados pelo imperador do Brasil Dom Pedro II no século XIX disputa o título de Memória do Mundo em 2012 concedido pela UNESCO.

Esta é a segunda vez que documentos brasileiros do período do Império disputam o título da Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (UNESCO), uma classificação que corresponde ao Património da Humanidade para bens materiais, segundo noticiou ontem o jornal O Globo.

Uma equipa de quatro investigadores deu início a um trabalho minucioso de 11 meses de revisão do material e preparação de um dossier. O acervo reúne 50 mil documentos deixados pelo imperador com registos das suas três viagens pelos continentes. Inclui diários pessoais, cadernos de anotações, gravuras, correspondência e jornais.

O material foi levado de França para o Brasil pela família imperial e doado ao Arquivo Histórico do Museu Imperial, em 1948.

Em 2003, uma coleção com mais de 21 mil fotos da imperatriz Teresa Cristina, mulher de Dom Pedro II, foi considerada património mundial. Além disso, os documentos da ditadura brasileira, que reúne um acervo do período de 1964 a 1985, também aguardam o título.
In: DN 10/01/2011

 
 

ë Manuscrito medieval leiloado por 2,8 milhões de euros

quinta-feira, 9 de dezembro de 2010
O primeiro manuscrito medieval que narra de forma extensa as lendas do rei Artur, do mago Merlin, dos Cavaleiros da Távola Redonda, Lancelot e o Santo Graal foi hoje leiloado por 2,4 milhões de libras (2,8 milhões de euros).

Com este resultado, a obra, posta à venda por Joost R. Ritman para benefício da Biblioteca Philosophica Hermética, em Amesterdão, ultrapassou o valor máximo estimado no catálogo, que se situava entre 1,5 e dois milhões de libras [...].

Trata-se do maior romance de cavalaria escrito na Idade Média e os seus temas -- a amizade, a traição, a ambição, as façanhas e os amores trágicos -- estão na base de boa parte da literatura moderna. As histórias da busca do Santo Graal, do rei Artur e a sua corte de Camelot, ou a paixão de Lancelot, um dos cavaleiros da Távola Redonda, e da rainha Guinevere deleitaram gerações de leitores e inspiraram alguns dos melhores romances contemporâneos [...].

O manuscrito foi produzido na Flandres ou em Artois entre 1315 e 1323 e crê-se que foi uma encomenda de Guy VII, barão de Rochefoucauld, chefe de uma das mais importantes famílias aristocráticas de França e representante na Flandres do rei Felipe V de França [...]".
In: DN 09/12/2010


 
 

ë Vídeo - Projeto de digitalização de jornais britânicos do século XIX

quarta-feira, 13 de outubro de 2010

 
 

ë "Conversations With Myself" de Nelson Mandela

O novo livro de Nelson Mandela intitulado “Conversations With Myself” (Conversas comigo mesmo) foi ontem posto à venda na África do Sul e em mais 21 países. Em Portugal, a obra será lançado no mercado pela editora Objectiva no final de Outubro, com o título “Arquivo íntimo”.

Já traduzida em 20 línguas, esta «viagem pelo ser humano, pelo mais privado Nelson Mandela» (como o livro é descrito pelos seus editores) é uma compilação de cartas, conversas gravadas e diários escritos durante os 27 anos de cárcere do ícone sul-africano de 92 anos e fornece um olhar intimista sobre as alegrias, tristezas e angústias do homem que se viria a tornar o primeiro presidente negro da África do Sul.


Na verdade, o livro (prefaciado por Barack Obama) esclarece que Mandela nem sequer queria servir como presidente da República após a queda do regime do “apartheid”, mas que aceitou candidatar-se com o espírito de missão que guiou toda a sua vida.

 
 

ë Biblioteca Britânica disponibiliza online manuscritos gregos

terça-feira, 12 de outubro de 2010
Mais de um quarto dos manuscritos gregos na posse da Biblioteca Britânica ficaram recentemente disponíveis online.

São 280 volumes de novos documentos a engordar o catálogo electrónico e fazer evoluir o programa de digitalização de documentos da instituição. No total, a biblioteca britânica tem mais de um milhar de manuscritos gregos, constituindo um dos mais importantes espólios fora da Grécia, a que se juntam mais de 3 mil papiros.
In: Jornal da Madeira
Biblioteca Britânica

 
 

ë Prémio Nobel da Literatura 2010 para Mario Vargas Llosa

sexta-feira, 8 de outubro de 2010
O Prémio Nobel da Literatura 2010 foi atribuído ao escritor peruano Mario Vargas Llosa, conforme anunciou a Academia Sueca em Estocolmo.
"O escritor de 74 anos é um dos mais premiados autores da América Latina pelo seu trabalho como romancista, ensaísta e dramaturgo.

A Academia Sueca justificou este galardão pela “cartografia das estruturas do poder e pelas imagens mordazes da resistência, revolta e dos fracassos do indivíduo”.
O prémio literário tem um valor monetário de cerca de um milhão de euros e o escritor vai receber a distinção a 10 de Dezembro [...]".
In: Jornal da Madeira. - 8 de Outubro de 2010.